Ex-jogador do São Paulo dá depoimento emocionante após passar por tragédia familiar: "pensei em terminar com minha vida"

Atleta perdeu a noiva em um acidente de automóvel no último mês de março, na Argentina.



Foto: Centurión no SPFC.

O ex-jogador do São Paulo, Ricardo Centurión, perdeu a noiva há dois meses atrás. Melody Pasini, de apenas 25 anos, dirigia pelas ruas de Banfield, na grande Buenos Aires, quando sofreu um infarto e acabou batendo com o veículo. O atleta desabafou sobre a perda em entrevista para o canal Tyc Sports.

"Pensei em terminar com minha vida depois do que aconteceu com minha noiva e minha avó. Me uni com a minha mãe e irmã, caso contrário, tudo iria por água abaixo. Se não me levantasse rápido, em dois ou três dias, creio que terminava com a minha vida", afirmou o jogador.

Na época da tragédia, os perfis do São Paulo nas redes sociais se solidarizaram com o atleta e sua família. "Toda nossa força a Ricardo Centurión. Que toda a família e amigos sejam abraçados nesse momento difícil", postou o Twitter oficial do Tricolor no dia 29 de março de 2020.

O jogador, atualmente emprestado pelo Racing ao Vélez Sarsfield, vê no futebol uma saída para lidar com a perda. "Agora tudo o que penso e quero é gritar um gol novamente com a camisa do Vélez.  Se isso não for resolvido, não sei, porque teria que voltar ao Racing e passaremos a outro tópico", concluiu.

A passagem de Centurión pelo São Paulo durou pouco mais de uma temporada. Em 2015, foram 46 jogos e 6 gols marcados pelo atacante. Em 2016, foram apenas 2 bolas na rede em 34 partidas.
Postagem Anterior Próxima Postagem