PAPO RETO com Beto da Liga

Índio, vence de goleada vereadores de PA.


* De mulungu a BTN

O bairro mulungu passou a ser chamado de BTN, a partir de um projeto de lei do ex- prefeito Zé Ivaldo, datado de 03 de abril de 1986, desde então, o bairro que completou 50 anos de vida no último domingo(10/05), vem crescendo e ampliando o comércio de Paulo Afonso com enorme potencial.


*50 anos de vida

O BTN, nesse seu cinquentenário tem muito o que comemorar, na década de 1970, seus primeiros desbravadores não imaginavam que o bairro viesse a se tornar o mais populoso de PA, ter sua própria economia e geração de emprego e renda para boa parte de seus moradores.

* 50 anos de vida 1

Os desportistas do BTN, também merecem grande destaque nesse cinquentenário, os grandes abnegados que levavam a única alegria aos primeiros moradores do bairro através do futebol, como: Bala(falecido), Calado(falecido), Camarada(falecido), Bigode e seu Antônio, são patrimônios do bairro.

* 50 anos de vida 2

A grande expectativa dos desportistas do BTN, estão voltadas para a construção dos Campos com estrutura de grama, vestiário e arquibancadas que o prefeito Luiz de Deus, prometeu em encontro com os desportistas do bairro para suprir a destruição do antigo campo do CSU.

* BTN e sua riqueza musical 

O BTN desde seu nascimento não parou de cantar e encantar com seus artistas que sempre expressaram em prosas e versos seu carinho pelo bairro nas vozes da dupla Bil e Rafael, Marcos Branco, Sandro e Célio, Os Bacanas, Amantes da Night, Isaías Ribeiro, Lequinho do Samba e sua diversidade cultural.

* Velho Chico e as baronesas 

Além dos grandes problemas ambientais que as baronesas trazem ao velho Chico, junta-se a ela o prejuízo dos comerciantes ribeirinhos, a prainha do centro é uma das mais atingidas.

* Velho Chico e as baronesas 1

Mesmo no atual cenário de pandemia se faz necessário a ação das secretarias de infraestrutura e meio ambiente, no sentido de encontrar uma solução real para evitar mais desperdício de dinheiro público com ações paliativas que foram vistas e até o momento sem eficiência, diga-se de passagem.

* Desafio não aceito

O empresário e grande flamenguista, Índio do bar do Flamengo, lançou um desafio aos vereadores de Paulo Afonso, para que algum deles usasse pelo menos 10 % de seus salários na compra de cestas básicas e ao que nos parece, o Índio venceu por goleada frente aos quinze parlamentares. Segue o jogo...

* Mototaxistas em alerta!

A classe tem sido bastante sacrificada nesse momento de pandemia, a exposição ao vírus e a pouca atenção dada aos mesmos pelos órgãos responsáveis da saúde, tem causado uma onda de medo entre eles. A título de sugestão, bem que a secretaria de saúde poderia semanalmente oferecer uma quantidade de máscaras e álcool gel aos trabalhadores, aplicando um trabalho em regime de rodízio nos diversos pontos da cidade e junto ao movimento fazer um trabalho de conscientização com os trabalhadores da categoria.

* Mototaxistas em alerta 2

Por se tratar de uma classe com quase três mil trabalhadores que gera o sustento indireto pra quase nove mil pessoas, é importante a secretaria de saúde, semanalmente convocar alguns deles para realização dos testes de Covid 19 e proteger toda classe de algum problema futuro.

Postagem Anterior Próxima Postagem