Canudos: Agentes funerários fazem enterro de vítima de Covid-19 após recusa de coveiro


Foto: Junior do Pax / Arquivo Pessoal


Agentes funerários tiveram que fazer o enterro de uma vítima de Covid-19 porque coveiro e moradores se negaram a realizar o procedimento. O caso ocorreu no distrito de Rosário em Canudos, no Sertão do São Francisco. Segundo o G1, a vítima, uma idosa de 81 anos, veio a óbito em Salvador no último sábado (5). O corpo foi transportado da capital baiana ainda na manhã do mesmo dia. Uma filha da idosa, que também foi infectada pela Covid-19, não pode viajar devido às normas sanitárias em vigor na pandemia.

Conforme relato do proprietário da funerária Pax Monte Sinai, José Silva, ao chegar com o corpo no distrito ouviu do representante que os moradores não queriam se envolver com o enterro. Um coveiro também recusou fazer o procedimento com receio. Com isso, José Silva e o colega de trabalho decidiram fazer o enterro em um local com baixa iluminação.

PREFEITURA
Por meio de nota, a prefeitura de Canudos disse que não administra o cemitério do Rosário, onde ocorreu o sepultamento, e que não mantém coveiro na comunidade. A gestão ainda declarou que a idosa declarava residência em Euclides da Cunha, o que constaria no atestado de óbito.
Postagem Anterior Próxima Postagem